APRESENTAÇÃO: Volkswagen Golf Sportsvan (MY 2014)

- Versão MPV do VW Golf que vem substituir o anterior Golf Plus
- Habitáculo versátil de cinco lugares com banco traseiro deslizante 18 cm. Volume da bagageira: 500, 590 até 1520 litros
- Novos motores diesel consomem menos de 20 por cento de combustível. O 1.6 TDI BlueMotion tem um consumo de 3,6 l/100 km e emissões de CO2 de 95 g/km
- Os preços em Portugal começam nos 30.093 euros (1.6 TDI/110 cv Confortline, caixa manual) ou 31.827 euros (caixa DSG). O motor mais potente está disponível a partir 38.216 euros (mais 2000 euros para a caixa DSG)

Baseado na plataforma modular transversal (MQB), a distância entre o centro da roda e as partes dianteira e traseira são mais curtas e possui vias mais largas.
A distância entre eixos é de 2.685 mm. Em relação ao Golf e ao Golf Variant é maior em cerca de 50 mm.
Com um comprimento de 4.338 mm, o Golf Sportsvan é 134 mm mais largo que o Golf Plus anterior, 83 mm mais longo que o Golf e 224 mm mais curto que o Golf Variant.
Além disso, graças à sua inovadora construção ultra leve, foi possível reduzir o peso neste modelo até 90 kg.
O diâmetro de viragem é de 11,1 metros.
Maior que o Golf mas mais curto que o Golf Variant, a maximização da sua altura permitiu não só ampliar para cima o espaço de carga, como também o espaço para a altura do banco. Todavia, o Golf Sportsvan, dotado de duas filas de bancos, é mais baixo (menos 56 mm sem barras no tejadilho) e mais curto (menos 59 mm) que um Touran, o qual continua a oferecer três filas de bancos, ou seja, um conceito clássico de um MPV.

Capacidades e funcionalidade

O espaço máximo entre os bancos dianteiros e traseiros é de 898 mm com os bancos regulados até à posição mais atrás.
Utilizadores com uma estatura de 1,90 metros podem sentar-se comodamente um atrás do outro.
O banco traseiro pode ser completamente deslocado até 180 mm e os ocupantes da parte traseira podem regular a inclinação das costas dos respectivos bancos.
O desbloqueio das costas dos bancos traseiros pode ser efectuada desde a parte traseira ou através do porta-bagagens. As partes das costas rebatem-se automaticamente após o desbloqueio para a frente, formando em conjunto com o piso de carga uma superfície quase plana.

Capacidade e funcionalidade da bagageira

O piso de carga pode ser completamente desmontado de forma muito fácil ou, também, pode ser regulado em altura. Para tal, pode ser embutido 21 ou 130 mm por baixo do rebordo de carga.
O volume do porta-bagagens atinge 500 litros com o banco traseiro em posição normal. Quando as duas metades do banco traseiro estão deslocadas para a posição mais avançada, a capacidade é de 590 litros. No caso de ser aproveitado o espaço de carga até ao nível das costas dos bancos dianteiros e por baixo do tejadilho, a volumetria máxima é de 1.520 litros.
O comprimento máximo do espaço interior é de 1.795 mm. No caso de ser também rebatidas as costas do banco do passageiro (disponível opcionalmente em todas as versões) é assegurada uma superfície de carga de 2.542 mm de comprimento.
A distância ao solo do rebordo de carga é de apenas 652 mm.

Habitáculo e equipamento novos

O habitáculo apresenta grande versatilidade. Condutor e passageiro podem desfrutar de uma posição do banco elevada. O tablier, também com um novo desenho, possui uma grande influência na optimizada ergonomia.
Existem práticos compartimentos porta-objetos, entre outros, na parte superior do tablier (em versões sem altifalante central) e nos revestimentos das portas (na parte dianteira com opção para colocar uma garrafa de 1,5 litros e na parte traseira de 1,0 litros).
A novidade no Golf Sportsvan é o banco opcional ergoActive regulável em 14 pontos. Este banco do condutor, especialmente ergonómico, está equipado com regulação lombar eléctrica de 4 pontos e tem função de massagem.
Em matéria de equipamento introduz modernos sistemas de assistência como o sensor de ângulo morto ("Blind Spot Sensor"), utilizado pela primeira vez num Golf, e o assistente de saída de estacionamento.
Durante o andamento, o “Blind Spot Sensor” alerta o condutor dos veículos que se encontram no ângulo morto. Ao sair de marcha-atrás de um estacionamento, o sistema detecta também outros utilizadores da via pública que se aproximam pela parte lateral traseira do veículo e emite um aviso neste caso; no caso de existir o risco de uma colisão, a electrónica do assistente de saída de estacionamento ativa automaticamente a função de travagem de emergência.
Conta também com bloqueio electrónico do diferencial XDS+, uma inovadora direção assistida progressiva, sistema de suspensão adaptativa electrónica “DCC”, cruise control adaptativo “ACC” com ‘Front Assist’, travões multi-colisões, sistema de detecção de fadiga, sistema de protecção de ocupantes pro-activa, sistemas de iluminação adaptativa “Light Assist” e “Dynamic Light Assist”, selecção de perfis de condução até um máximo de cinco modos distintos, o assistente de permanência na faixa de rodagem “Lane Assist” e o assistente de estacionamento “Park Assist”.

Preços e níveis de equipamento em Portugal do VW Sportsvan

O Volkswagen Golf Sportsvan chega ao mercado nacional com dois níveis de equipamento: “Confortline” e “Highline”.
A primeira destas versões inclui equipamento de série como o XDS+, o novo travão multi-colisões, a iluminação em LED da matrícula, um banco do condutor regulável em altura, ar condicionado, indicador da pressão dos pneus, o novo travão electrónico de estacionamento com função Auto-
Hold, um ecrã tátil de 5 polegadas, um piso da bagageira modular e cobertura da bagageira que pode ser guardada debaixo do piso de carga no caso de não ser utilizada.
Está igualmente equipado com um completo sistema de segurança que inclui sete airbags, o controlo electrónico de estabilidade ESC e os apoios de cabeça dianteiros activos.

Motores e transmissões do Volkswagen Sportsvan

O motor diesel 1.6 TDI de 110 Cv consome 3,9 l/100 km e apresenta emissões de CO2 de 101 g/km.
A potência máxima deste motor situa-se entre as 3.200 e as 4.000 rpm. O binário máximo de 250 Nm está disponível entre as 1.500 e as 3.000 rpm.
Equipado com este TDI, o Golf Sportsvan 1.6 TDI BlueMotion Technology, com caixa manual de série, acelera de 0 a 100 km/h em 11,3 segundos. A velocidade máxima é de 192 km/h.
Pode ser combinado opcionalmente com uma transmissão automática de dupla embraiagem de 7 velocidades. O consumo de combustível, neste caso, é de apenas 4,0 l/100 km e as emissões de CO2 de 104 g/km.
Em breve estará também disponível uma versão BlueMotion independente, com alterações aerodinâmicas e pneus de baixa fricção. Este Golf Sportsvan TDI BlueMotion consome apenas 3,6 l/100 km e apresenta emissões de CO2 de 95 g/km.
As prestações de andamento deste exclusivo Golf Sportsvan TDI BlueMotion são de 11,3 segundos para alcançar os 100 km/h e uma velocidade máxima de 196 km/h.
O motor 2.0 TDI de 150 cv tem um nível de consumo médio de apenas 4,3 l/100 km e emissões de CO2 de 112 g/km).
Desenvolve a potência máxima entre as 3.500 e as 4.000 rpm. O binário máximo de 340 Nm está disponível a partir das 1.750 rpm (até às 3.000 rpm). O Golf Sportsvan 2.0 TDI BlueMotion Technology, com uma caixa manual, acelera de 0-100 km/h em 9,2 segundos, alcançando uma velocidade máxima de 212 km/h.
Opcionalmente, pode ser equipado com a transmissão automática de dupla embraiagem DSG de 6 velocidades. Neste caso, os níveis de consumo e de emissões de CO2 são de 4,7 l/100 km e 122 g/km, respectivamente.

-->

3 comentários:

  1. Um pequeno monovolume para quem tem uma familia mais pequena, mas que aprecia o espaço interior (e que espaço). Com uma altura parecida com um SUV, quer na condução, quer para os passageiros. Tem uma imagem exterior que em fotografia é dificil de se dizer se se gosta ou não (foi o meu caso), mas ao vivo deparamo-nos com uma linha simples mas atraente (basta ter-se atenção aos promenores). O interior é muito agradável, que dá vontade de nos sentarmos e conduzir. Também aqui o interior foi para mim uma supresa, que em fotografia não consegui imaginar o que realmente é (muito bom). A qualidade à primeira vista demostra estar muito à frente do esperado, principalmente o tablie. Muito espaço para trás, mesmo com o banco colocado todo para a frente. Bagageira espaçosa com dois locais de arrumação aos lados. Muitos promenores interessantes que facilitam a viagem (ligação usb, entrada para cartões, tomadas à frente, atrás e na bagageira, portas com espaço para se colocarem garrafas de água (1,5 litros à frente e 1 litro atrás), para quem dispensa uma coluna de som extra ao centro do tablie, vem mais um espaço de arrumação (com tampa) para pequenos objetos. Isto tudo associado a toda a tecnologia que foi disponibilizada. PAra qem acha que o Sportvan não é nenhum carro em especia, vale a pena ver. Muitos irão de certeza mudar de ideia. Este vai ser o meu próximo carro.

    ResponderEliminar
  2. Boas a todos.
    Sou proprietário de um golf sportvan highline desde agosto e estou deveras surpreendido mas, sem dúvida pela positiva. Conforto,economico,espaçoso,bonito,muito bem equipado, boas prestações para um carro familiar e muito mais, no entanto o motor podia ser um bocadinho mais silencioso quando puxados por ele.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu vai fazer 3 anos em Julho. O motor 1.6 Tdi de 110 CV tem essa caracteristica, quando se puxa por ele é um puco ruidoso, nada de exagerado, mas um pouco mais de insonorizantes ajudava a proteger o som do motor para o habitáculo. Para mim, este motor merecia a 6ª velocidade, em autoestrada ajudava a que o motor fosse mais suave, e possivelmente, reduzia um pouco o consumo. No geral, estou muito satisfeito com este carro. Para quem gosta de carros familiares, este pode ser uma opção.

      Eliminar