Header Ads

APRESENTAÇÃO: Mercedes-Benz Classe E All-Terrain

- Maior distância ao solo, rodas de maiores dimensões e sistema de tração integral 4MATIC equipado de série.

- Visual todo-o-terreno graças a extensões dos guarda-lamas e grelha do radiador com estilo SUV

- Lançamento no mercado: Primavera de 2017

- Sistema DYNAMIC SELECT permite seleccionar 5 modos de condução


Graças aos elementos estéticos com um visual todo-o-terreno, extensões dos guarda-lamas e grelha do radiador com estilo SUV, o All-Terrain diferencia-se das stations clássicas.

Também o para-choques traseiro tripartido é específico deste modelo.

No interior, há que contar com componentes de revestimento em alumínio com acabamento semelhante a carbono, pedais desportivos em aço inoxidável e tapetes com inscrição All-Terrain.

Disponível com a linha de equipamento interior AVANTGARDE como equipamento de série, enquanto as linhas de equipamento EXCLUSIVE e designo estão disponíveis como opção.

O novo modelo está equipado de série com todas as soluções inteligentes do compartimento de bagagens do Classe E Station, tais como a posição de carga do banco traseiro e o rebatimento repartido do banco na proporção de 40:20:40.

Estão ainda disponíveis todas as inovações do Classe E relativas à segurança, conforto e tecnologia.

Motores e sistema de tracção "All-Terrain"


A versão E 220 d 4MATIC (194 CV) dispõe do recente motor diesel de 4 cilindros.

Seguir-se-à uma versão equipada com um motor diesel de 6 cilindros.

Ambos os modelos serão equipados de série com a nova caixa de nove velocidades automática 9G-TRONIC.

5 modos de condução podem ser seleccionados através do sistema DYNAMIC SELECT.

Este programa de condução foi adoptada do GLE e permite configurar o veículo para uma condução em pisos todo-o-terreno.

O sistema DYNAMIC SELECT actua sobre o comportamento do motor, da caixa de velocidades, do ESP® e da direcção.

Até uma velocidade de 35 km/h, ao seleccionar o DYNAMIC SELECT All-Terrain, com o interruptor de programas de condução, o chassis é elevado através da suspensão pneumática AIR BODY CONTROL equipada de série em cerca de mais 20 mm.

Os limites de actuação do sistema ESP®, do controlo activo de estabilidade e do controlo de tracção (ASR), são ajustados em conformidade. Este programa de condução inclui um indicador especial no ecrã do painel de instrumentos do veículo.

A informação indicada inclui ainda o ângulo da direcção, a altura do veículo (posição da suspensão pneumática), o declive, o ângulo de inclinação, a posição do pedal do acelerador, a posição do pedal dos travões e uma bússola.

Graças à suspensão pneumática, é possível obter três níveis de altura que variam entre os 0 e os +35 mm.

A configuração ainda mais confortável da suspensão e as jantes de grandes dimensões, aumentam significativamente o conforto de condução em estradas de piso irregular comparativamente ao Classe E.

Independentemente do programa de condução, a altura máxima do chassis também pode ser seleccionada manualmente com o botão de selecção da altura na consola central.

O Classe E All-Terrain tem uma altura superior ao Classe E Station em cerca de 29 milímetros – 14 mm devido aos pneus com uma maior perfil e 15 mm devido à altura normal da suspensão pneumática.

Três modelos de jantes de liga leve de 19 e 20 polegadas conferem ao veículo uma aparência de segurança, permitindo uma maior distância ao solo e aumentando o conforto em caminhos de piso irregular.

Assim, a altura ao solo varia entre os 121 e os 156 mm.

Sem comentários