Header Ads

Novo Honda CR-V tem componentes fabricados em Portugal

O novo SUV da marca japonesa é construído na fábrica inglesa de Swindon, mas diversos componentes em alumínio fundido são fabricados pela “Tesco Componentes para Automóveis” com sede em Vila Nova de Famalicão. A indústria nacional é assim fundamental na construção de peças para o novo motor diesel 1.6 que equipa o Honda CR-V e o Civic desde o início de 2013.

Boas notícias para a indústria europeia e neste caso com reflexos também na economia portuguesa.
Um programa de investimentos da Honda na sua fábrica inglesa de Swindon, superior a 330 milhões de euros - o maior nesta fábrica ao longo da última década -, com o objectivo de suportar a produção dos novos CR-V (ler AQUI mais sobre este modelo) e o novo motor 1.6 diesel para o Honda Civic (ler AQUI mais sobre este motor) vem beneficiar também a indústria portuguesa.
No Reino Unido foram recrutados, no início do ano, 500 novos trabalhadores que receberam formação específica, aumentando assim a força de trabalho da fábrica para um total de 3.500 pessoas.
Até ao final de 2012, prevê-se que a capacidade de produção na fábrica britânica duplique os números do ano anterior, atingindo mais de 183.000 unidades. A Honda espera alcançar uma produção de 250.000 unidades dentro dos próximos 3 anos.
Como parceiro privilegiado para esta fase de expansão, a Honda escolheu a fábrica Portuguesa “Tesco Componentes para Automóveis”, com sede no concelho de Vila Nova de Famalicão e que já é fornecedora da marca desde 1993. A Tesco fornecerá diversos componentes em alumínio fundido e o facto de ter sido recentemente distinguida pela sua performance na área da qualidade espelha bem a qualidade do que produz
Exportando 100% da sua produção, a Tesco alcançou em 2011, um volume de facturação de 13,5 Milhões de Euros e emprega actualmente 230 colaboradores laborando, num horário contínuo (24h/dia 7dias/semana) produzindo mensalmente cerca de 230 toneladas de componentes de alumínio.

Sem comentários