Header Ads

APRESENTAÇÃO: Ford Mustang (MY 2015)

E à sexta geração deste mítico modelo americano, ele é, pela primeira vez, vendido na Europa! Será a partir de 2015 que o iremos conhecer nas versões coupé e descapotável, ainda e sempre com motor dianteiro e tracção traseira. Quanto a motores serão dois a gasolina: um quatro cilindros 2.3 com 309 cv de potência máxima e 407 Nm de binário e um V8 de 5,0 litros com mais de 426 cv. O motor de 2.3 litros pertence à família "EcoBoost" da Ford, dispõe de injecção directa e e turbo-compressor. Desde o lançamento do primeiro Ford Mustang, em 1964, já se comercializaram mais de nove milhões de unidades. Cinquenta anos depois, a nova geração continuará a ser construído na América, na fábrica de Flat Rock.

Um dos 25 novos veículos que a Ford vai lançar na Europa ao longo dos próximos cinco anos, o Mustang está dotado de uma suspensão ímpar e optimizada para garantir uma maneabilidade referencial, um controlo preciso da direcção e elevado conforto.
Integrando uma inovadora tecnologia para controlo melhorado e maior conectividade, o novo Mustang foi desenvolvido tendo em mente a obtenção de um elevado desempenho, daí que inclua uma quantidade significativa de avançadas soluções de conveniência e de tecnologias de auxílio à condução.

Do design à funcionalidade

Partindo de uma folha em branco, o design das variantes coupé e descapotável do Ford Mustang evocam a essência do carácter do modelo: altura reduzida e uma largura generosa, um perfil elegante decorrente da acentuada inclinação do pára-brisas e do vidro traseiro, faróis traseiros em barra tripla, tridimensionais e acabamento contemporâneo da icónica assinatura da secção frontal do modelo em formato de dentada de tubarão.
A variante descapotável possui capota em lona multi-camadas, de série, para garantir ao modelo um visual superior e um calmo ambiente interior. A capota garante-lhe um perfil esguio quando se conduz com ela aberta. 
A instrumentação generosa e clara disponibiliza as informações sobre o veículo bem na frente do condutor, num interior espaçoso inspirado no “cockpit” dos aviões.
A largura do veículo e a nova suspensão traseira contribuem para um crescimento nas quotas de espaço ao nível dos ombros e do quadril para os passageiros, ao mesmo tempo que a concepção da bagageira permite acomodar dois sacos de golfe.

Experiência Mustang 

O novo Mustang irá contar com motorizações e configurações de chassis perfeitamente afinadas, ndo ao encontro das expectativas dos condutores europeus em termos de dinâmica de condução.
Ao aclamado motor Ford V8 de 5,0 litros, que disponibiliza mais de 426 cv e 529 Nm de binário, junta-se o novo bloco EcoBoost de 2,3 litros.
Dotado das mais recentes e avançadas soluções nesta matéria, incluindo um turbocompressor, este ultimo motor garante valores de eficiência energética, de consumos e de emissões de CO2 procuradas pelos consumidores europeus.
Por isso conta com injecção directa, válvulas de abertura variável e um turbocompressor, de modo a garantir uma performance utilizável. Um colector de admissão exclusivo e o alojamento do turbo permitem alcançar-se níveis de performance que os condutores de um Mustang esperam, com uma potência estimada superior a 309 cv e um binário de 407 Nm. Em opção está disponível uma transmissão automática, com patilhas no volante, para condutores que pretendem escolher entre conveniência e controlo.

Para entusiastas da condução

Estes dois motores irão equipar também o Mustang GT, derivativo que contará com travões de grande desempenho, montados por trás das jantes de 19 polegadas, de série na Europa.
Na frente, um novo subchassis de perímetro ajuda a reforçar a estrutura frontal, ao mesmo tempo que se reduz o peso, fornecendo uma base sólida para um controlo mais previsível, beneficiando a maneabilidade, a direcção e o rolamento em estrada.
O novo sistema de suspensão duplo articulado MacPherson permite, também, a utilização de travões de grande dimensão, mais potentes. 
A secção traseira esconde toda uma nova suspensão traseira independente. A geometria, molas, amortecedores e ligações foram especificamente modificadas e adaptadas para este modelo de alta performance, estando perfeitamente adaptadas às estradas europeias e a toda uma cultura de condução a alta velocidade. As novas juntas traseiras em alumínio ajudam a reduzir a massa não suspensa para uma condução e maneabilidade melhoradas. 

Tecnologia inteligente

O novo Mustang integra um número significativo de inovadoras tecnologias, fornecendo ao condutor elevados níveis de conectividade, controlo e avançadas informações, sempre que aqueles o necessitem.
Numa estrada sinuosa ou num “track day” de fim-de-semana, o condutor pode comandar os interruptores presentes na consola para um ajuste rápido da dureza da direcção, da resposta do motor e afinações da transmissão e das configurações do controlo de estabilidade electrónico, recorrendo aos Modos de Condução Seleccionáveis (Selectable Drive Modes).
O avançado controlo de estabilidade foi ajustado para maximizar as capacidades dinâmicas, com características como a vectorização do binário, que direcciona a potência do motor individualmente a cada roda, para manter o carro no seu caminho.
Quando chega a hora de “puxar” pelo Mustang GT numa pista, as variantes de transmissão manual incluem de série um sistema de controlo de arranque, permitindo aos condutores fazerem-no sempre de modo suave e consistente.
Entre os avançados sistemas de apoio ao condutor incluem-se, de série, as soluções Ford SYNC com Controlo por Voz e Ecrã de Toque, permitindo ao condutor controlar as suas opções de entretenimento.
Igualmente disponível para os condutores europeus do Mustang estará um sistema de navegação, contando com um ecrã a cores de oito polegadas, colocado no centro do painel de instrumentos, e um sistema de som “premium” de 12 altifalantes.



-->

Sem comentários