Header Ads

APRESENTAÇÃO: Hyundai Intrado

O nome Intrado remete para um componente que integra as asas de um avião na parte inferior. A função deste elemento é permitir a elevação e voo do aparelho. A tecnologia presente no Intrado é igualmente inspirada na que integra as aeronaves. Nomeadamente o uso de materiais modernos, a remoção do peso desnecessário e um design inspirado por um único propósito: menor resistência para tornar dotar o conjunto da maior eficiência. Mas o pormenor mais importante deste protótipo eléctrico é a sua fonte de energia, uma célula de combustível que produz eletricidade através da reacção de hidrogénio (armazenado no depósito do carro) com o oxigênio.


Esta célula de combustível faz parte de uma nova geração desta tecnologia. Contudo, a Hyundai não especificou quais são as diferenças concretas face à anterior, que é utilizada, por exemplo, no Hyundai Santa-Fé Fuel Cell (ler AQUI). Sabe-se que ele é alimentado pela nova geração de motores de pilha de combustível a hidrogénio e que utiliza uma bateria de iões de lítio de 36 kWh. O reabastecimento demora poucos minutos (desconhecendo-se se este armazenamento é líquido ou gás em alta pressão) e tem autonomia até 600 km. Com zero de emissões de CO2 porque naturalmente liberta apenas água.
Não há informações sobre as características do motor elétrico que move o Intrado.

A estrutura do veículo, nomeadamente toda a carroçaria concebida à base de aço leve, é justificada pela necessidade de eficiência em termos aerodinâmicos.
A estrutura central de carbono é construída usando uma nova técnica, uma mistura de materiais aperfeiçoados e tecnologicamente avançados, técnica revolucionária que irá mudar a forma como os automóveis serão construídos no futuro.
A robustez e a rigidez da estrutura central permitem também que os painéis possam ser construídos a partir de qualquer material, dando aos construtores maior flexibilidade e uma mais fácil capacidade de reparação.

O interior foi projectado com recurso a materiais avançados e a uma construção revolucionária. Os frisos de borracha que selam os painéis quando fechados contra a estrutura de carbono, mostram a fibra de carbono sempre que as portas, capô ou bagageira são abertos.
O uso de contrastes brilhantes “Beaufort Orange” na fibra de carbono acentua-lhe a personalidade desportiva.

-->

Sem comentários