Header Ads

Leilão do último trabalho de Malangatana: um Fiat 500!

A última obra criada pelo Mestre Malangatana, renomado artista moçambicano recentemente falecido, está na pintura de um automóvel: um Fiat 500, único no mundo devido ao seu trabalho, a que deu o nome "A Italiana".
Este Fiat 500 da nova geração foi a tela onde o pintor deu largas à sua imaginação. Dia após dia, Malagantana deslocava-se à sede do representante da marca em Maputo, dizendo que tinha um encontro marcado com “A Italiana”. A obra que saiu do pincel do artista é uma fusão de design italiano e simbolismo africano, com as laterais cobertas com figuras relacionadas com a natureza e com as tradições moçambicanas. A assinatura do pintor encontra-se no tablier, cravada em alumínio.
Está agora à venda.


Para tanto decorre um leilão até ao dia 6 de Julho. O SAPO Moçambique, portal da internet lançado em Fevereiro de 2009 pela Portugal Telecom, é o site responsável por este negócio que tem um valor base de licitação de 125.000 dólares americanos e licitações mínimas de 2.500 dólares acima do último valor licitado. O valor obtido reverterá para o desenvolvimento da cultura e arte moçambicana, através da formação aos mais jovens e carenciados.
A página está disponível em duas línguas, português e inglês, para que qualquer pessoa ou entidade colectiva em qualquer parte do mundo possa licitar e tentar obter esta obra de valor incomensurável.
Em https://malangatana.sapo.mz/ encontram-se inúmeras fotografias com a obra em leilão, o filme que ilustra todo o processo da sua criação, bem como a biografia e o link para uma homenagem ao Mestre – Especial Malangatana –, com variadíssimos conteúdos adicionais sobre a vida e obra do mais internacional dos artistas moçambicanos.
“A Italiana” de Malangatana é resultado de um sonho pessoal do pintor moçambicano, que desejava concretizar um projecto de carácter social e artístico que permitisse criar condições de desenvolvimento pessoal junto dos mais carenciados, através da formação, da cultura e da arte. É neste sentido que a receita integral do leilão será doada à Fundação Malangatana para a concretização do sonho do Mestre moçambicano: melhorar as condições de vida das crianças dando-lhes cultura e arte.


(elaborado com base em excertos do comunicado distribuído pelo departamento de Comunicação da Portugal Telecom)

Sem comentários