Header Ads

APRESENTAÇÃO: Mercedes-Benz C 63 AMG V8 "Edition 507 (cv)"

Dois factos concorrem para fazer desta a versão mais desportiva da série C do construtor alemão: o novo e potente motor V8 de 6,3 litros e a sigla AMG que designa as variantes mais agressivas. As versões exclusivas “Edition 507” incrementam ainda mais estas características, ao reclamarem um aumento de 50 cv da potência do motor (agora com uns impressionantes 507 cv) e do binário máximo, que passa a situar-se nos 610 Nm. Fruto da herança tecnológica do SLS AMG, com estes valores, o C 63 AMG "Edition 507" acelera de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos e tem uma velocidade máxima de 280 km/h limitados electronicamente. Disponível nas carroçarias coupé, limousine e station, estreia dentro de dias no Salão de Genebra e será lançado no mercado em Junho de 2013.


Externamente, distingue-se por um conjunto de pormenores exclusivos, o mais notório dos quais o capot originário do C 63 AMG Coupé Black Series. As duas entradas de ar deste capot em alumínio ajudam a expelir o calor do motor.
As novas jantes de liga leve AMG de raios cruzados, com pneus 235/35 R 19 (à frente) e 255/30 R 19 (atrás), constituem outro factor de distinção do “Edition 507”. As jantes de liga leve AMG são forjadas, através da tecnologia de liga leve especial, e estão disponíveis em duas versões: pintura em cinzento titânio com um acabamento brilhante ou pintura em preto mate com flanges do rebordo brilhantes.
As faixas desportivas AMG em cinzento grafite mate, por cima dos painéis dos degraus laterais, formam outro detalhe exclusivo do exterior.
O spoiler traseiro, em forma de “lábio” na tampa da mala (apenas nas versões Limousine e Coupé), as caixas dos retrovisores exteriores, bem como as molduras na grelha dianteira e as luzes de circulação diurna, possuem acabamento em preto brilhante.
As ópticas escurecidas reforçam o toque distinto e desportivo. A pintura com acabamento platina design magno é uma opção exclusiva do C 63 AMG "Edition 507".

Capacidade mecânica V8 aspirado às 6800 rpm!

Os 4,2 segundos que são precisos para acelerar dos 0 aos 100 km/h (4,3 para a station) indicam que os 507 cv deste modelo são dois décimos de segundo mais rápidos do que a versão “normal” de 457 cv, e um décimo de segundo mais rápido que as versões equipadas com o pack AMG Performance, com 487 cv.
Este incremento da potência máxima deve-se às modificações operadas no motor AMG V8 de 6,3 litros: os pistões forjados provêm do SLS AMG, juntamente com as novas bielas e uma cambota em liga leve. Isto traduz-se numa poupança de 3 kg no seu peso, enquanto a redução de massa inerte beneficia a flexibilidade deste motor naturalmente aspirado.
O binário máximo também aumentou, passando de 600 Nm para 610 Nm às 5200 rpm. O colector de admissão variável, em titânio de cor cinzenta, é uma característica particular do motor V8 modificado. O conjunto de melhoramentos na unidade propulsora termina com a introdução de um novo sistema de gestão do motor.
Em todas as variantes, a velocidade máxima de 280 km/h é limitada electronicamente, uma vez que as versões “Edition 507” estão equipadas, de série, com o pack AMG Driver. Além da restrição na velocidade máxima, o pack AMG Driver inclui, também, um voucher que dá acesso a uma sessão de formação em condução desportiva na AMG Driving Academy.



C 63 AMG
"Edition 507"

Coupé
C 63 AMG
"Edition 507"

Limousine
C 63 AMG
"Edition 507"

Station
Cilindrada
6208 cc
6208 cc
6208 cc
Potência
373 kW (507 cv) 
às 6800 rpm

373 kW (507 cv) 
às 6800 rpm

373 kW (507 cv) 
às 6800 rpm

Binário
610 Nm
5200 rpm
610 Nm
5200 rpm
610 Nm
5200 rpm
Consumo de combustível
NEDC combinado
12.0 l/100 km
12.0 l/100 km
12.2 l/100 km
Emissões de CO2
280 g/km
280 g/km
285 g/km
Classe de eficiência
G
G
G
Aceleração
0-100 km/h
4.2 s
4.2 s
4.3 s
Velocidade máxima limitada electronicamente.
280 km/h
280 km/h
280 km/h


Interior ainda mais dinâmico e exclusivo

O habitáculo claramente desportivo mas perfeitamente funcional do C 63 AMG torna-se ainda mais dinâmico e exclusivo no caso do "Edition 507".
Estão disponíveis três versões de equipamento e de acabamentos: couro porcelain designo/Dinamica, couro preto designo/Dinamica e couro preto designo.
No caso dos revestimentos em couro designo/DINAMICA, as costuras em cores vivas formam um contraste atraente. O volante AMG Performance em Alcantara®, com costuras em cores vivas, possui uma marca para posição das mãos às “12 horas”.
O selector da caixa de velocidades desportiva AMG SPEEDSHIFT MCT de 7 relações possui o emblema AMG. O volante e o revestimento do comando da caixa também contam com costuras em cores de contraste. 
No painel de instrumentos AMG, as aplicações em vermelho permitem diferenciar visualmente esta versão das outras variantes C 63 AMG. O revestimento em lacado preto brilhante e o emblema "Edition 507", em frente do lugar do passageiro, sublinham a qualidade e a exclusividade.

Equipamento opcional disponibilizado pelo AMG Performance Studio:

- Soleiras das portas AMG iluminadas em branco com tecnologia LED;
- Tapetes AMG;
- Diferencial traseiro autoblocante AMG;
- Jantes AMG de cinco raios em cinzento titânio e acabamento brilhante, com pneus 235/40 R 18 (à frente) e 255/35 R 18 (atrás);
- Suspensão AMG Performance;
- Sistema Multimédia AMG Performance;
- Revestimentos AMG em fibra de carbono/lacado preto;
- Detalhes em couro preto “designo” na parte superior do tablier e nas linhas de cintura das portas;
- Levantamento do veículo no Centro de Clientes da AMG em Affalterbach (para o mercado alemão).

Sistema de travagem AMG de elevado desempenho 

De série, o C 63 AMG "Edition 507" vem equipado com um sistema de travagem AMG ainda mais potente, com tecnologia de materiais compósitos.
No eixo dianteiro, utiliza discos em material compósito com dimensões de 360 x 36 mm.
As vantagens dos materiais compósitos englobam características como uma maior resistência à fadiga. Além disso, os discos compósitos são muito mais leves e melhoram a resposta dos elementos elásticos da suspensão (molas e amortecedores). 
Os discos compósitos estão ligados a um cone de alumínio através de oito braços em ferro fundido, o que resulta num alongamento homogéneo do anel de fricção em situação de maior esforço.
Os discos de travagem são ventilados e perfurados em toda a superfície, e são desacelerados por pinças em alumínio fixas de seis êmbolos no eixo dianteiro, e por pinças fixas de quatro êmbolos no eixo traseiro.
As pinças de travagem são em vermelho nos dois eixos.

Procura automóvel novo, usado ou acessórios? Quer saber mais sobre este ou sobre outro veículo?

Sem comentários