Header Ads

Peugeot fornece carros eléctricos à Câmara de Lisboa

Depois de ter vencido o concurso para a modernização da frota comercial da Portugal Telecom, entregando 450 novos Peugeot Partner Furgão com as cores da Meo, TMN e Sapo, a marca francesa foi novamente seleccionada para fornecer 42 unidades do seu modelo eléctrico, o Peugeot iOn, à Câmara Municipal de Lisboa. Esta acção insere-se no âmbito de uma política de redução da poluição que o município da capital está a levar a cabo, fazendo uma conversão da sua frota automóvel para veículos não poluentes. Com esta iniciativa, a Câmara de Lisboa prevê diminuir, em cinco anos, 336 toneladas de CO2 na capital.

Para perceber como foi possível chegar a estes últimos valores, no espaço de apenas cinco anos igual número de viaturas, com motor térmico e emissões de 100 g/km, deveriam libertar para a atmosfera da cidade 336.000.000 gramas de CO2 durante os 80.000 km de duração do contrato. (100 g. x 80.000 km x 42 unidades = 336 toneladas de CO2).
Com uma abordagem cada vez mais forte junto dos clientes frotistas em Portugal, a marca francesa dispõe de um grande capacidade de resposta às necessidades específicas de diversos segmentos empresariais e municipais. Com vários dos seus modelos e motores reclamando forte impacto ambiental (é um dos construtores que mais investe em modelos híbridos e na redução de emissões) a sua gama é das mais ecológicas do mercado.
Fruto de uma parceria com a Mitsubishi, o Peugeot iOn foi concebido para a circulação urbana e a periferia, estando vocacionado para entidades públicas e empresas.
Desde o seu lançamento, em 2011, é o segundo automóvel eléctrico mais vendido em Portugal, com um custo de utilização situado entre 1,50€ e 2€ por cada 100 km.
A Peugeot Portugal foi seleccionada na sequência de um concurso público, e os 42 novos iOn serão entregues no decorrer de Agosto de 2013.

-->

Sem comentários