Header Ads

APRESENTAÇÃO: Hyundai ix35 (MY 2014). Desde 22.490 euros.

Chegou a Portugal um renovado ix35, o popular SUV da marca coreana que, seguramente, é Classe 1 nas portagens nacionais. É assim porque todas as versões, exceptuando as com tracção às 4 rodas dispõem de um kit de suspensão "sport" que rebaixa o conjunto os centímetros necessários para assim ser considerado. De novo traz pequenas modificações exteriores, contém pequenas alterações nos motores e no equipamento e melhorou alguns materiais do interior. No capítulo mecânico, porque no nosso País as vendas assentam basicamente sobre os motores diesel, a principal novidade é um sistema de recirculação de gases de escape (EGR), capaz de melhorar a eficiência energética e, com isso, reduzir consumos e emissões. Uma suspensão ajustada para torná-la mais confortável e a direcção dotada do dispositivo "FLEX STEER", capaz de modificar a assistência com base em três programas ("Normal", "Comfort" e "Sport"), são outras novidades. À venda a partir 22.490 euros (1.6 GDI) e 28.490 euros (1.7 CRDi).

Versão 2013/2014
Exteriormente será possível distingui-lo pela iluminação led (à frente e atrás) e por pequenas aplicações cromadas na dianteira, que estarão presentes em algumas versões. Pode também passar a ter faróis de xénon, algo que não era possível até ao momento.
Novas jantes mais escurecidas de 16, 17 e 18'' complementam a apresentação exterior.
Interiormente, além da subida de qualidade de alguns materiais, as diferenças estão na instrumentação (uma nova tela informativa surge também entre o velocímetro e o conta-rotações) e na forma de alguns comandos, como os de climatização. O resto do desenho não sofre alterações.
Primeira versão: 2010
Os consumidores europeus passam também a poder escolher um sistema de navegação actualizado, integrado num LCD de 7 polegadas colocado na consola central. Também está disponível um novo sistema áudio com display LCD de 4,3 polegadas e câmara de marcha atrás (visão traseira de estacionamento).
Mais detalhes sobre o equipamento encontram-se em tabelas publicadas no final deste texto.
Todas as versões, exceptuando a com tracção integral, são Classe 1 nas portagens nacionais. Isso deve-se ao facto de estarem equipadas com suspensão "Sport", ligeiramente rebaixada, o suficiente para o conjunto não ultrapassar a altura de 1,10 metros medidos no prumo da linha do eixo dianteiro.

Equipamento e motores

As novidades em matéria de equipamento são o sistema de direcção "Flex Steer", ajustável ao estilo de condução desejada, os sensores de estacionamento dianteiros, o volante aquecido, um novo painel informativo aliado ao computador de bordo e outro, de 7'' relacionado com o sistema de navegação.
Além do sistema de estacionamento, o novo modelo dispõe de melhorias sobre a direcção e sobre a suspensão, capazes de lhe garantir maior conforto e melhor resposta dinâmica. Nomeadamente uma suspensão dianteira mais macia, de modo a reduzir ainda mais o ruído e as vibrações.
Quanto a motores, em Portugal, a oferta a gasolina reduz-se à gasolina 1.6 GDI de 135 cv, com preços a partir de 22.490 euros.
Já a gasóleo são dois os motores propostos: o mais popular 1.7 CRDi de 115 cv e o 2.0 CRDi de 136 cv.
Este último é o único a equipar o Hyundai ix35 com tracção integral e também a única unidade motriz a disponibilizar a caixa automática de 6 velocidades.
O preço do ix35 1.7 CRDi começa nos 28.490 euros e do 2.0 CRDi nos 35.990 euros.
Quanto à versão de 4 rodas motrizes, ela está disponível a partir de 37.990 euros
Há ainda um reposicionamento dos níveis de equipamento.
O resultado do ensaio ao Hyundai ix35 CRDi 1.7/115 cv Blue Drive está AQUI.
O resultado do ensaio ao Hyundai ix35 2.0 CRDi/184cv (4x4) está AQUI.



Detalhes mecânicos

O motor 1.7 litros turbo diesel, o mais procurado no mercado nacional, destaca-se pela utilização da mais recente geração do sistema “Common Rail” juntamente com um turbocompressor de geometria variável com controlo electrónico, válvula de recirculação de gases de escape com comando electrónico e filtro de partículas, cumprindo a norma Euro 5 relativamente às emissões poluentes.
Desenvolvido para oferecer uma suave mas forte aceleração praticamente desde o arranque, a sua potência mantém-se nos 115 cv às 4000 rpm e o binário de 260 Nm encontra-se disponível entre as 1250 e as 2750 rpm. Em termos de desempenho dinâmico, o Novo Hyundai ix35 1.7 CRDi consegue alcançar os 173 km/h com valores de emissões de apenas 135 gr/km de CO2 e um consumo combinado de 5,2 litros aos 100 km.
Com excepção da versão 4WD, as restantes versões do motor 2.o CRDi estão agora equipadas com o sistema LP-EGR, um dispositivo de recirculação dos gases de escape a baixa pressão, que proporciona uma performance menos poluente. A versão de 2.0 litros de 136 CV de duas rodas motrizes, com caixa manual emite apenas 141 g / km de CO2.
Totalmente em alumínio, o motor a gasolina 1.6 GDi com quatro válvulas por cilindro, debita 135 CV às 6300 rpm e tem um binário de 164,3 Nm às 4850 rpm. As emissões de CO2 são baixas com um valor de 149 g/km.
Graças ao sistema GDi, procura concilia três objectivos aparentemente antagónicos: reduzir emissões, aumentando a potência e diminuindo o consumo de combustível. O sistema GDI injecta directamente a gasolina, combinando com o sistema duplo de variação automática do tempo de abertura e fecho das válvulas (D-CVVT). Isto aumenta o seu desempenho, melhora a resposta ao acelerador tanto em baixas como em altas rotações e proporcionar maior economia de combustível, proporcionando ainda a redução de emissões em baixas e médias rotações.
Comparado com um motor convencional com a mesma cilindrada, este bloco oferece mais 7 por cento de binário a baixa rotação, 12 por cento mais de binário a elevadas rotações e 10 por cento menos de consumo de combustível.
Confira no quadro seguinte características mais detalhadas das motorizações:



Tracção dianteira e dispositivos complementares

A tracção dianteira oferece menor peso ao veículo e permite acelerações mais rápidas e maior economia de combustível em estradas com bom pavimento.
Ajudado pelo controlo de tracção (TCS) oferecido de série e associado ao ABS do veículo, estes veículos podem ainda ter a tracção reforçada pelos sistemas HAC (Hillstart Assist Control/Assistência ao arranque em plano inclinado) que evita que o carro descaia no arranque e DBC (Downhill Brake Control /Controlo de descida em declive) que limita a velocidade do veículo em descidas íngremes.
As motorizações disponíveis equipam, duas versões com níveis de equipamento distintos, Access e Comfort na variante gasolina 1.6 GDi e 3 versões, Access, Comfort e Style na variante 1.7 CRDi diesel. Ambas as gamas, gasolina e diesel, disponibilizam caixa de 6 velocidades manual que serão comercializadas ao abrigo do inovador eco-programa da Hyundai, Blue Drive™ e incluem o sistema Stop/Start (ISG), um sistema de gestão do alternador para poupar energia, o uso de pneus de baixo atrito, e um indicador do momento ideal de passagem de caixa para encorajar uma condução mais económica.
A exemplo da restante gama Hyundai, o ix35 vendido na Europa beneficia de 5 anos de garantia sem limite de quilómetros.



-->

Sem comentários