Header Ads

APRESENTAÇÃO: O primeiro SUV da Seat

No âmbito da partilha de conceitos, motores e plataformas dentro do grupo Volkswagen, a marca espanhola irá receber, pela primeira vez na sua história, um modelo com características de SUV. A Seat não podia ficar fora de um segmento que conhece uma forte procura em termos europeus. Assim, irá partilhar com outras marcas do grupo um modelo que, ao que tudo indica, é baseado no protótipo do crossover Seat IBX apresentado como híbrido na edição 2011 do Salão de Genebra. A sua base será a plataforma modular MQB (que permite tracção dianteira ou integral) e as motorizações utilizadas deverão ser, naturalmente, as já conhecidas e partilhadas no grupo VW. O novo modelo será produzido em Martorell, a fábrica espanhola onde é fabricado o Audi Q3 desde 2011. A chegada aos mercados está prevista para 2016.


O segmento dos crossover compactos e familiares é uma verdadeira mina de ouro para algumas marcas. Que o diga a Nissan com o Qashqai. Este segmento representa cerca de um milhão de unidades/ano na Europa, 40% mais em relação a 2009... ano do lançamento do popular SUV da Nissan.
A marca espanhola não podia assim continuar ausente, até porque o mais próximo que alguma vez teve foi o pouco popular Altea Freetrack, lançado em 2007, derivativo do monovolume com o mesmo nome.
Balanceado pelo sucesso do Leon, a marca espanhola prepara-se deste modo para conquistar novos mercados. Ainda e sempre aproveitando as sinergias do grupo, utilizando as fórmulas habituais de personalização para distinguir e identificar os seus modelos. É isso que servirá para o diferenciar do seu "primo" que deverá surgir pela mesma altura sob o símbolo da checa Skoda, embora não seja de descartar que a mesma base sirva para renovar as gerações do Audi Q3, que actualmente é construído na mesma fábrica de onde sairá o futuro SUV da marca espanhola .

-->


Sem comentários