Header Ads

APRESENTAÇÕES: Peugeot 2008 HYbrid Air e 208 Hybrid FE

A marca francesa reserva para o Salão de Genebra um conjunto de novidades importantes de que iremos dando conta ao longo dos próximos tempos. Uma delas é o seu novo SUV compacto 2008 tratado NESTE texto, mas existem também notícias importantes sobre o pequeno 208: as versões XY e GTi referidas AQUI e este projecto 208 HYbrid FE que confirma a posição de vanguarda tecnológica e ambiental da Peugeot. Do que se trata e ao que corresponde é o que vai saber já a seguir. Antes disso, uma explicação rápida sobre o que é e o que pretende o projecto “Hybrid Air” do grupo PSA, que visa consumos de somente 2 litros por cada 100 km.

A técnica “HYbrid Air” é um novo conjunto de processos que associa um motor a gasolina e ar comprimido, através de uma tecnologia de custos moderados que a Peugeot conta aplicar, a partir de 2016, nos seus modelos de passageiros e veículos comerciais ligeiros dos segmentos B e C.
Este sistema é empregue sobre a nova plataforma modular EMP2 que o grupo PSA utiliza e irá utilizar em futuros modelos das marcas Peugeot e Citroën.
Com o objectivo de chegar aos 2 litros de consumo por cada 100 km, o SUV 2008, modelo de vocação internacional, deverá ser o primeiro a receber esta nova cadeia de tracção, acessível em larga escala nos cinco continentes.
O 2008 HYbrid Air combina duas energias para atingir o melhor rendimento em função de diferentes situações: o ar comprimido, obtido sobretudo através da recuperação de energia em travagem e em desaceleração, vai apoiar ou substituir o motor 3 cilindros gasolina de última geração optimizado nos aspectos-chave do seu funcionamento.
Composto, no que se refere à parte pneumática, por um reservatório de alta pressão situado no túnel central, por um reservatório de baixa pressão situado ao nível do eixo traseiro e por um conjunto motor/bomba instalado sobre a transmissão, a cadeia de tracção HYbrid Air preserva a habitabilidade e a modularidade do veículo e traduz-se, para o condutor, em três modos de utilização: Air (ZEV), Gasolina e Combinado.

Projecto 208 HYbrid FE

Mas com o projecto 208 HYbrid FE, a Peugeot, em conjunto com a Total, procuram levar esta poupança ainda mais longe.
O 208 HYbrid FE apresenta emissões de apenas 49 g/km de CO2 – ou seja, duas vezes menos do que o 208 1.0 VTi – mas acelera dos 0 aos 100 km/h em 8 segundos!…
Neste concept radical, a aerodinâmica foi optimizada e o peso reduzido em 200 kg, graças ao recurso maciço a materiais compósitos e policarbonatos.
A cadeia de tracção híbrida, associa o propulsor de 3 cilindros a gasolina com caixa pilotada a um motor eléctrico e a uma bateria desenvolvida com a experiência obtida nas provas de Resistência.
Com lubrificantes do motor específicos, desenvolvidos pela Total, o 208 HYbrid FE receberá, em estreia, ligações ao solo compósitas, pneus e jantes específicos que reduzem a resistência ao rolamento.

Procura automóvel novo, usado ou acessórios? Quer saber mais sobre este ou sobre outro veículo?

Sem comentários