Header Ads

Sebastien Loeb e Peugeot pulverizam recorde da corrida de Pikes Peak

Já se esperava mas ninguém contava com uma vitória tão demolidora: Sebastien Loeb e o Peugeot 208 T16 não apenas se limitaram a vencer a célebre prova americana, como estabeleceram a melhor marca de sempre, minuto e meio abaixo do anterior recorde obtido no ano passado. A Peugeot volta assim a fazer história na mais célebre corrida de Montanha do Mundo, como já tinha acontecido em 1989, ano em que Ari Vatanen e o Peugeot 405 T16 estabeleceram uma marca que perduraria muitos anos e que daria até origem ao pequeno documentário "Climb Dance". Este vídeo está no final do texto e demonstra bem a dureza e os perigos que os pilotos enfrentam durante as 156 curvas e os mais 20 km percorridos na subida da montanha situada no Colorado, Estados Unidos.

Várias vezes campeão do Mundo de Ralis, tal como Ari Vatanen, Sebastien Loeb voou e estabeleceu um tempo de 8 minutos, 13 segundos e 878 centésimos, superando o anterior recorde de 9'42''740"' conseguido em 2012.
O Peugeot 208 T16 foi especialmente concebido para a 91.ª edição da prova, que termina a 4301 metros de altura depois de 156 curvas percorridas a uma velocidade média de 140,771 km/h!. O 208 T16 é um verdadeiro "monstro" de estrada, com 875 cv baseado no Peugeot 908 utilizado em provas de longa duração. (para mais detalhes consultar ESTE TEXTO)
Na verdade, qualquer dos três lugares do pódio conseguiu superar esta marca. O Hyundai Genesis protótipo conduzido pelo anterior recordista, Rhys Millen, ocupou a segunda posição fazendo 9'02''192''' e um Mini Cooper especialmente desenvolvido para a rampa ficou em terceiro.
No próximo ano Sebastien Loeb irá estrear-se no Campeonato Mundial de Turismo (WTCC) com a Citroen. (ver AQUI mais desenvolvimentos sobre essa notícia).


-->

Sem comentários