Header Ads

APRESENTAÇÃO: Renault Megane (MY 2015) Motor Equipamento

- Versão de 5 portas chega em janeiro de 2016

- Gama de motores incluirá versão diesel com 165 cv

- Interior partilha elementos do Renault Espace e Talisman

- Cresce em comprimento e largura mas reduz a altura


A 4.ª geração do Renault Megane tem chegada prevista aos mercados europeus no início de 2016, após apresentação à imprensa internacional em Cascais.

Faz um corte com o modelo nascido em 2008 esucessivamente actualizado, sendo, por isso, uma das mais antigas bases do segmento C.



O Mégane partilha com o Nissan Pulsar a base modular CMF-D da aliança Renault-Nissan. Com 4,36 metros de comprimento por 1,45 metros de altura, o novo Mégane é 6,4 cm mais longo do que o seu antecessor e ligeiramente mais baixo (menos 2,5 centímetros).

A distância entre eixos cresce mais 2,8 cm até aos 2,67 metros, a via dianteira é 47 mm mais larga e a traseira 39 mm.

A bagageira do Mégane de 5 portas tem 384 litros, um pouco mais do que os 372 litros da geração actual.

Motores Mégane: de 90 a 205 cv


Disponível no início de 2017, pela primeira vez no Renaut Mégane existirá uma versão diesel "eletrificada" designada "Hybrid Assist".

Associado ao motor a gasóleo, um sistema eléctrico assegura a recuperação de energia nas fases de desaceleração e de travagem, garantindo uma aceleração adicional em algumas fases de utilização, especialmente a baixos regimes.

Com esta solução a Renault indica emissões de CO2 de somente 76 g/km, para um consumo homologado em ciclo NEDC inferior a 3 l/100 km,

A gama de motores a gasóleo compreende dCi 90, dCi 110 e dCi Energy com 130 cv.

Com uma caixa manual de 6 velocidades, o motor de 110 cv emite 86 g de CO2/km e tem um consumo combinado de 3,3 l/100 km.

O útimo está também disponível com uma caixa automática de embraiagem dupla e seis relações. Os restantes têm transmissão manual.

A gasolina a opção recai sobre unidades TCe 100 e TCe 130, esta última com possibilidade de caixa de velocidades automática de seis velocidades.

Uma versão GT desenvolvida pela Renault Sport diferencia-se por elementos decorativos que não estão presentes nas outras versões: duas saídas de escape e um tom azul especifico, motores especiais e, tal como o novo Talisman e o anterior Laguna, sistema de direcção nas quatro rodas (4Control), que melhora a capacidade de manobra a baixa velocidade e a atitude em curva.

Esta versão desportiva vai dispor de uma versão biturbo dCi com 165 cv e transmissão automática de 6 velocidades.

A gasolina está reservado o bloco TCe 205 com caixa automática de dupla embraiagem de sete relações.

Dispõe ainda de afinações específicas (amortecedores, molas, ESP, travões…) e de tecnologias específicas desenvolvidas pela Renault Sport: "Multi Change Down", que permite uma múltipla redução acelerada e "Launch Control", que permite um arranque do tipo "em arranque parado" significativamente mais rápido

Interior e equipamento do Mégane


Na linha do Renault Talisman e do novo Renault Espace, no tablier vão existir 2 tipos de ecrã táctil multimédia: um vertical de 8,7" e um 7” na posição horizontal.

O painel de instrumentos é configurável e, dependendo do nível de equipamento, pode conter um sistema de projecção de informações numa lâmina plástica colocada sobre o painel de instrumentos, com indicação da velocidade, instruções do navegador e avisos sobre a condução.

Em matéria de equipamento, além da nova assinatura dianteira com faróis diurnos em LED (as versões topo de gama, para as funções de médios e máximos, utilizam também módulos full LED) e do sistema de som bose, o Renault Megane pode incluir os mais diversos dispositivos de assistência de condução: controlo activo da velocidade, avisos de alerta para mudança involuntária de faixa, ultrapassagem da velocidade máxima e detecção de objectos no ângulo morto.

Para tornar mais fácil as manobras, vai estar presente um sistema automático de estacionamento com auxílio de câmara.

Como no Renault Espace e Talisman existe ainda a função designada Multisense que permite variar a resposta do pedal do acelerador, do motor e da caixa de velocidades automática, além de bancos com massagem (o Mégane compartilha a estrutura dos assentos do Talisman e do Espace) e até cinco ambientes de iluminação do interior: Sport, Normal, Conforto, Eco e, RS Mégane para o GT.

Um programa adicional possibilita alterar a configuração de cada um dos elementos de forma independente.

PUB

Sem comentários