Header Ads

APRESENTAÇÃO: Seat Leon (MY 2013)

Combina engenharia avançada com design elegante e, pela primeira vez na sua história, a gama disporá de três carroçarias. Com um design bastante emocional, distingue-se pelos faróis de LED integrais, uma estreia no segmento, acabamentos mais cuidados e sistemas inovadores de infoentretenimento. Com a terceira geração de uma das suas gamas mais populares, a marca espanhola pretende estabelecer um importante ponto de viragem na sua história. Por isso estreia o novo logótipo da Marca, claramente exibido na sua parte frontal, no centro das rodas, na traseira e no volante. Apostando em manter o carácter dinâmico e desportivo das edições anteriores, a actual traz em acréscimo os elementos mais actuais em termos de sistemas de infoentretenimento ou de assistência ao condutor. Evidentemente, chassis e motorizações não foram descurados, nomeadamente em termos de eficiência e controlo de emissões: o Seat Leon 1.6 TDI, com o sistema start/stop, anuncia um consumo ponderado de apenas 3,8 litros e apenas 99 gramas de emissões de CO2. Confira tudo sobre o novo Leon, incluindo o preço de todas as versões, já a seguir.

Com 4,24 metros de comprimento, o novo Leon mede menos cinco centímetros que o anterior, embora a distância entre eixos tenha crescido 6 centímetros. Em comparação com a anterior geração, exteriormente ficou mais compacto e ganhou espaço no habitáculo.
A forma angulosa dos faróis é uma das características da identidade da nova linguagem de design da SEAT. Os novos faróis com tecnologia de LEDs integrais não requerem manutenção e estão disponíveis, pela primeira vez, no segmento dos modelos compactos. Além de projectarem uma luz que não cansa a vista, vêm equipados com sensores que se encarregam de não encadear os condutores que vêm de frente.
Ao incluir faróis de LEDs integrais como elemento opcional do novo Leon, a SEAT abre caminho no segmento dos modelos compactos. 
Visto de perfil, o novo Leon desenha um arco continuo até ao arco de roda traseiro. Os pilares C de forma trapezoidal, assim como a pequena janela lateral traseira, quase triangular, são elementos típicos do Leon.
Na parte traseira destaca-se o novo logótipo da marca, que é usado para abrir a porta traseira. Os grupos ópticos, em forma de cunha, enfatizam a largura do Leon e estão também disponíveis como opcional com tecnologia LED (ou de série na versão FR).
O carácter desportivo do Leon FR é reforçado por um um spoiler traseiro e o tubo de escape com dupla saída.
Outro dos atributos do novo SEAT Leon é o seu peso. A versão de acesso da gama pesa agora apenas 1113 quilos, menos 90 kg que o modelo anterior, com essa redução a ser conseguida graças ao uso de aços de alta resistência e ao design optimizado. Contudo, isso não impediu o aumento da rigidez da carroçaria em 15%.

Interior maior, mais elegante e flexível

O design interior também reflecte o mesmo ambiente desportivo e, a par do incremento da qualidade de construção, o ambiente luminoso e limpo proporciona mais espaço para o condutor, passageiros e carga.
Algumas versões reforçam o ambiente interior com iluminação de alta qualidade, como a variante FR, cujas portas estão equipadas com estreitas guias de iluminação por LEDs que realçam os contornos do habitáculo. Esta luz ambiente acrescenta elegância ao interior e serve também para aumentar a sensação de espaço.
Destaque para a amplitude da consola, claramente orientada ao condutor para maior comodidade. O painel de instrumentos tem um novo e atractivo design, tal como as grelhas da ventilação, os controlos do sistema de ar condicionado e as formas tridimensionais de alguns elementos. Todas as superfícies são suaves ao tacto e algumas versões acrescentam inserções de elementos cromados e em pele que aumentam a sensação de qualidade.
Ao centro do volante multifunções encontra-se, claro está, o novo símbolo da SEAT.
Todos os sistemas de informação e entretenimento foram redesenhados e desenvolvidos, e o novo SEAT Leon estreia a primeira geração de ecrã táctil de 5,8 polegadas que incorpora um sensor de proximidade.
Existem ainda variados detalhes de arrumação interior, cerca de uma dúzia de pequenos espaços para guardar objectos, para além de cinco compartimentos fechados nas portas, consola central e à frente dos assentos dianteiros.
No grande compartimento na consola central estão localizados os pontos de conexão opcionais para ligação dos dispositivos multimédia ao automóvel: Aux-in, USB, cartão de memória SD e cabo para iPod.
O aumento de 50 mm na distância entre eixos beneficiou a habitabilidade traseira, mas ela é também maior na distância entre os ombros e entre a cabeça e o tejadilho.
De destacar ainda a capacidade de carga do novo SEAT Leon é de 380 litros, mais 39 litros que no modelo anterior. Rebatido o assento traseiro, a superfície quase plana de carga tem uma longitude de 1558 milímetros e o volume de carga é ampliado até aos 1210 litros.

Motores potentes e mais eficientes

A terceira geração do SEAT Leon oferece uma nova gama de motores potente e eficientes TDI e TSI, que vão desde os 1.2 aos 2.0 litros de cilindrada. Todos os motores apresentam injecção directa e turbo-alimentação e, comparativamente aos seus antecessores, os consumos diminuíram cerca de 22%.
Pela primeira vez, todas as motorizações da oferta de lançamento dispõem do sistema Start/Stop: o 1.6 TDI CR de 105 CV, o 2.0 TDI CR de 150 CV e os 1.2TSI 105 CV, 1.4 TSI de122 e 140 CV.
Com o uso deste sistema é possível reduzir o consumo de combustível em 4% aos 100 km.
Outra medida de eficiência no novo SEAT Leon é a regulação inteligente da tensão do alternador durante as fases de travagem e desaceleração. A energia recuperada acumula-se na bateria. Quando se volta a acelerar, a energia acumulada distribui-se novamente à unidade de controlo da rede de bordo. Desta forma, o alternador funciona com maior frequência com baixa tensão ou desliga-se totalmente e, uma vez que o motor dedica menos potência para o funcionamento do alternador, isso resulta numa diminuição do consumo de combustível.

Os motores disponíveis com mais pormenor

O 1.6 TDI CR desenvolve 105 CV de potência e 250 Nm de binário. Na sua versão Ecomotive, que incorpora o sistema Start/Stop e a função de recuperação de energia, o Leon consome apenas 3,8 litros aos 100 km, o que equivale a 99 gramas de CO2 por quilómetro.
A versão Ecomotive 2.0 TDI reclama um consumo ponderado de apenas 4,1 litros aos 100 quilómetros. A potência é de 150 CV e o binário de 320 Nm.
Estará também disponível o 1.6 TDI de 90 CV e 230 Nm de binário, cujo consumo será de 4,1l aos 100 quilómetros e as emissões de 108 gramas de CO2 por quilómetro.
Mais adiante, a gama TDI assistirá à chegada do motor 2.0 de 184 CV de potência e 380 Nm de binário, apenas na versão FR.
Na gama de motores a gasolina estão disponíveis os 1.2TSI de 86 CV e 105 CV, o 1.8 TSI de 180 CV e o 1.4 TSI. Este último motor é turbo-alimentado com injecção direta e desenvolve 122 CV de potência e 200 Nm de binário.
Dispõe de série o sistema Start/Stop e a função de recuperação de energia e, com um consumo combinado de 5,2 litros, reclama um registo de 120g/km de CO2.
Ao mesmo tempo será lançado um motor 1.4 TSI com 140 CV de potência e 250 Nm de binário. Apesar de mais potente, os consumos e as emissões são semelhantes à versão anterior.
O expoente máximo da gama TSI é naturalmente o motor 1.8de 180 CV e 250 Nm de binário
A oferta de caixas de velocidades varia em função do motor e inclui as variantes manuais de cinco ou seis velocidades até à compacta e ligeira caixa de velocidades DSG de dupla embraiagem, que muda as seis ou sete velocidades suavemente e de modo confortável em centésimos de segundo.

Preços de todas as versões (carregue sobre a imagem para a ampliar)



Chassis desportivo e confortável

Um dos factores que distingue o novo SEAT Leon tem sido o carácter desportivo do seu chassis. 
Com uma nova arquitectura, todos os motores são agora mais compactos e que estão colocados num ângulo de 12°até à parte posterior do compartimento do motor, o que permitiu aos engenheiros posicionarem o eixo dianteiro40 mm mais para a frente. A maior distância entre eixos e uma distribuição de carga sobre os eixos mais equilibrada resulta em prol do conforto e do comportamento desportivo.
O eixo dianteiro é um clássico Macpherson, mas a direcção electromecânica trabalha em função da velocidade do automóvel e é insensível, em boa medida, às irregularidades do piso. O sistema não consome energia enquanto o automóvel avança em recta, reduzindo o consumo de combustível.
O diâmetro de curva é de apenas 10,2 metros.
Nas versões equipadas com um motor até 150 CV, o eixo posterior do novo SEAT Leon tem uma barra de torção. As variantes mais potentes estão equipadas com uma suspensão multibraço que consegue separar as forças de apoio longitudinal das forças de apoio lateral. A mola e amortecedor são separados, permitindo uma maior margem para executar o ajuste da suspensão. Um diferencial transversal autoblocante electrónico encarrega-se de aplicar pequenos impulsos de travagem à roda exterior para garantir uma transição mais segura e ainda mais fluida quando se abordam curvas mais fechadas e esguias.
Desta forma, o ESP ocupa-se de oferecer o máximo nível de segurança e o sistema de travões também responde de forma eficaz em qualquer circunstância.

SEAT Drive Profile

O novo Leon FR está equipado com o SEAT Drive Profile, que permite ao condutor configurar as características da direcção assistida, entrega de potência do motor e a transmissão DSG em três posições: eco, confort e sport, para além da possibilidade de configurá-las segundo as preferências do condutor. O SEAT Drive Profile no Leon FR também regula o som do motor (apenas nas variantes 1.8 TSI de 180 CV e 2.0 TDI de184 CV) e a iluminação ambiente interior adapta-se a essa configuração ao mudar o brilho dos LEDs montados nas portas: branco no confort, eco e individual, e vermelho no sport.

SEAT Easy Connect: moderno e flexível

A SEAT incluiu uma gama completa de sistemas de infoentretenimento no novo Leon. O equipamento básico inclui o sistema operativo SEAT Easy Connect, que controla as funções de entretenimento e comunicação, tal como um grande número de funções do veículo mediante um ecrã táctil colocado no painel de instrumentos.
Disponível com 5 ou 5,8 polegadas, o ecrã táctil e os controlos estão instalados no centro do painel de instrumentos, entre as grelhas de ventilação, para maior comodidade visual e acesso por parte do condutor e passageiro.
Pela primeira vez, a SEAT dispõe de um ecrã táctil com sensor de proximidade (ecrã de 5,8 polegadas). Quando se aproxima do ecrã táctil, o sistema prepara-se automaticamente para entrar em modo operativo e aparecem todas as funções disponíveis, fazendo com que o uso intuitivo seja ainda mais fácil.
O Media System Touch é o equipamento de série na versão Reference. Com ecrã táctil de 5 polegadas, rádio com entrada para cartões de memória e quatro colunas. Este sistema conecta-se com dispositivos externos mediante USB. Três botões de cada lado activam as funções Rádio, Media, Automóvel, Configuração, Som e Mute.
As versões Style e FR estão equipadas de série como Media System Colour, com uma unidade de leitor de cartões SD e CD (compatível comMP3) e seis colunas, no caso do Style, e oito no FR. Este sistema conecta-se a dispositivos externos mediante Bluetooth, USB ou Aux-in, e o seu ecrã táctil a cores de cinco polegadas também controla as funções do veículo.
Quanto ao Media System Plus, ele apresenta um ecrã táctil de 5,8 polegadas e grafismo tridimensional em alta definição, sintonizador DAB opcional, reconhecimento de voz e oito colunas. Quatro botões de cada lado controlam as mesmas funções do sistema de 5 polegadas mais as funções de Telefone e Voz. As entradas para cartões de memória SD, USB e iPod encontram-se no porta-luvas, e o ecrã apresenta uma extensa paleta de cores de alta definição.
O sistema mais avançado é idêntico ao Media System Plus e dispõe igualmente de um ecrã de 5,8 polegadas. No entanto, inclui sistema de navegação por voz e a informação pode ser visualizada num ecrã matricial a cores colocado entre o velocímetro e o conta-rotações.
Opcionalmente, o SEAT sound system emite uma potência de 135 watts através de dez colunas. O som é nítido e chega de forma equilibrada aos cinco bancos, graças em grande parte à colocação da coluna central no painel dos instrumentos e um subwoofer de 35 watts alojado na bagageira.

Sistemas de ajuda à condução

Entre as novidades conta-se um detector de fadiga, um dispositivo que analisa o uso do volante, avaliando continuamente os hábitos do condutor em relação ao ângulo e à velocidade da rotação do volante. Se reconhecer falta de concentração do condutor, avisa-o da necessidade de descansar mediante um sinal acústico e um símbolo iluminado. O aviso repete-se após 15 minutos, caso o condutor não tenha parado para descansar.
Paralelamente, quando se activa este sistema, este emite um aviso após 4 horas de condução sem interrupções.
Uma câmara montada na base do espelho retrovisor controla a função de luzes de máximos (a velocidades superiores a 60 km/h), alternando-os automaticamente, de máximos para médios, quando detecta automóveis no sentido contrário.
Existe ainda um Assistente de Faixa de rodagem, que utiliza a mesma câmara para introduzir pequenas modificações na direcção assistida electromecânica, de forma a impedir que o condutor saia da sua faixa de circulação.

Quatro versões ao puro estilo SEAT

Com quatro níveis de equipamento - Entry, Reference, Style e FR – a lista de equipamentos opcionais de segurança e conforto são: faróis LED Integrais, apoio de braços dianteiro, sensores de estacionamento com sistema óptico, tecto panorâmico eléctrico, espelho interior anti-encandeamento, sensor de luzes, sensor de chuva, SEAT Sound System e sistema de navegação, entre outros.
Todas as versões do Leon incluem sete airbags de série.
A versão Entry inclui:
- vidros eléctricos dianteiros
- computador de bordo com indicador de temperatura exterior
- fecho centralizado com comando à distância
- jantes de 15 polegadas.
A versão Reference acrescenta:
- ar condicionado de regulação manual
- vidros traseiros eléctricos
- retrovisores aquecidos
- jantes de liga leve 16”
- Media System Touch, com MP3/WMA/USB/Cartão SD e comandos no volante
Na versão Style há ainda:
- jantes deliga leve de 16 polegadas
- cruise control
- Aux-In
- faróis de nevoeiro dianteiros com função “cornering”
- climatronic
- Media System Colour com seis colunas e ligação Bluetooth para telemóvel
- volante multifunções em pele
- espelhos retrovisores aquecidos
Por fim o desportivo Leon FR oferece:
- jantes de liga leve de 17 polegadas
- suspensão FR
- vidros traseiros escurecidos
- espelhos com recolhimento eléctrico
- grupos ópticos traseiros de LED
- embaladeiras de protecção das portas dianteiras em alumínio
- volante em pele e bancos desportivos com apoio lombar
- SEAT Drive Profile
- Media System Colour

Procura automóvel novo, usado ou acessórios? Quer saber mais sobre este ou sobre outro veículo?

Sem comentários